[SWD] Magic Sword: Ethan (capítulo 3)

Oi oi, pessoal! Crys-chan voltou com mais Magic Sword. Espero que gostem! :)

Você: No meio daquela floresta, nós ouvimos algo que nos chocou completamente.
Criança 3: Nós podemos encontrar o Rei Arthur!
Você: Incapazes de acreditar nossas orelhas, nós viramos nossa atenção para as crianças brincando quem tinham falando então.
Ethan: Essa pode ser nossa chance.
Ray: Nós podemos encontrá-lo antes mesmo de começarmos a procurar!
Você: Estel assentiu em aparente concordância. Eu também concordei, então eu me aproximei das crianças.
Você: Eu sinto muito interromper vocês, mas vocês disseram que Rei Arthur pode estar vindo para cá?
Criança 1: Na próxima semana, nossa vila vai celebrar Pentecostes.
Criança 2: Vai haver um baile!
Você: (Se eles terão um baile, deve ser um festival bem grande.)
Você: Vocês podem nos mostrar onde sua vila é?
Criança 1: Claro! Mas primeiro nós temos que juntar lenha.
Ethan: Deixe isso conosco! Nós vamos ajudar vocês!
Ray: O que você quer dizer, “nós”? Deixe-me fora disso.
Criança 2: Yay! Obrigado!
Você: Ray suspirou profundamente, com uma expressão mal-humorada em seu rosto.
Ray: Suspiro... Certo, façam como quiser.
Você: A vila para a qual as crianças nos levaram era uma grande e próspera vila agrícola, sob o governo do país de Logres. A fim de efetivamente gerenciar as largas extensões de terra, as casas individuais também eram grandes.
Estel: As coisas estão realmente ocupadas, com Pentecostes tão próximo.
Você: Pentecostes é uma festa que celebra a vinda do Espírito Santo, certo? Nós celebramos isso todo ano em Theodore.
Você: Pensar no tempo quando meu pai estava vivo me trouxe sentimentos dolorosos.
Ethan: Eu ouço música.
Estel: Eles estão provavelmente praticando. Eles tocarão durante todos os três dias de Pentecostes.
Você: Eu vejo! Eles dançarão com essa música!
Estel: Huh?
Você: O quê!? As crianças disseram que haveria um baile.
Ethan: Haha...!
Você: (Ele está rindo de mim!)
Ethan: Oh, eu entendi! As palavras realmente soam iguais!
Você: Qu... quê!? Deixem-me entrar na piada!
Ethan: Lily, elas não disseram “baile”, elas disseram “briga”.
Você: Apesar de ele ter dito isso com um sorriso, eu me senti endurecer. Enquanto isso, Ray zombou de mim com olhos frios.
Você: (Mas que erro estúpido... Eu estou tão constrangida!)
Você: Meu rosto parecia estar pegando fogo.
Estel: Todo mundo comete erros.
Ethan: Isso é verdade. E elas soam parecidas.
Você: S... só esqueça isso, já!
Você: Enquanto nós estávamos lá conversando, um aldeão nos chamou.
Cidadão: Viajantes, vocês estão aqui para participar na luta?
Você: Ah, não, nós não pensamos sobre isso...
Cidadão: Oh, que pena. O vencedor da luta terá uma audiência com Rei Arthur, e será convidado a beber com ele.
Você: Quê? Sério?
Cidadão: Sim. Esse é o porquê Rei Arthur vem aqui todo ano, para observar a luta.
Ethan: Lily, essa é nossa chance!
Você: Sim. Nós também devemos participar.
Ethan: Nós? Você não está planejando lutar também, está?
Você: Claro!
Ethan: Não é dança, é luta. Você entende isso, certo? Será perigoso.
-Melhor em luta
-Quanto mais pessoas, melhor
Aqui você pode decidir como responder. A resposta “Quanto mais pessoas, melhor” dá pontos de romance com o Ethan.
Você: Eu entendo que será perigoso. Mas se mesmo mais um de nós participarmos, nossa chance de vencer é bem melhor.
Ethan: Eu suponho que você está certa, mas...
Você: Ethan cruzou seus braços, com uma expressão em seu rosto que sinalizou sua discordância.
Ray: Isso é tão irritante. Apenas deixe todo mundo competir, e vamos terminar com isso.
Você: Então, Ray, você está dizendo que vai participar também?
Ray: Tanto faz, mas isso não significa que eu vou colocar qualquer esforço nisso.
Você: (Hahaha, isso é bem como Ray.)
Você: Uma risada irônica me escapou.
Ray: Além disso, se nós ganharmos essa competição, nós não teremos que desperdiçar nosso tempo em um estúpido desvio. Mais que isso, nós podemos resolver esse assunto rapidamente.
Você: Ray virou seu olhar na direção de Estel.
Estel: Então é assim que é...
Você: Estel retornou o olhar de Ray com um frio olhar penetrante.
Você: (Oh, certo, esses dois ainda estão brigando.)
Você: De qualquer jeito! Se um de nós ganharmos esse torneio, nós seremos capazes de encontrar Rei Arthur. E se nós conseguirmos fazer isso, nós podemos tomar Excalibur de volta!
Você: Ethan apenas me encarou melancolicamente por um momento, e finalmente soltou um pequeno suspiro.
Ethan: Se isso irá nos ajudar a alcançar nosso objetivo original, então eu não vou contestar se nós todos participarmos. Entretanto, Lily, você tem que me prometer uma coisa.
Você: O quê?
Ethan: Que você não fará nada maluco. Nós estamos aqui, também, então você não tem que ser aquela a vencer.
Você: Eu entendo. Eu prometo.
Ethan: Você vai na verdade manter essa promessa?
Você: Eu sei o quão difícil foi para você concordar que eu pudesse participar. Eu não vou pisar nesses sentimentos.
Ethan: Eu estou confiando em você nisso.
Você: Nós fomos nos inscrever para o torneio. Uma semana depois. Nós nos juntamos na área do torneio.
Você: Vamos, todo mundo, se nós não nos apressarmos, nós estaremos terrivelmente atrasados!
Ray: Tome cuidado com seu tom, Lily. Lembre-se, você está vestida com roupas de homens.
Você: Oh! Graças a deus... Eu quero dizer maldito... Eu quero dizer... Oh, eu fiz de novo!
Ray: Oh, por favor.
Estel: Talvez você não devesse falar muito...
Você: Sim, isso é provavelmente o melhor. Eu terei cuidado.
Estel: ...
Você: O quê agora, Estel?
Estel: Oh, nada, eu estava apenas pensando que essas roupas também realmente combinam com você.
Você: (Hmmm, eu não tenho muita certeza de como eu deveria tomar isso...)
Ray: Ethan? Essa é a sua ideia de um disfarce?
Ethan: Claro, isso deve funcionar bem!
Ray: Você só está usando uma barba falsa.
Estel: Eu acho que você deveria ter se vestido como uma mulher.
Ethan: Essa é uma coisa realmente estranha de dizer.
Você: Certo, todo mundo, se acalmem.
Você: Com esses três finalmente prontos, nós fomos até a área do torneio.
Você: Há muita gente lutando hoje.
Estel: Não há muitas chances para as pessoas encontrarem Rei Arthur. Há provavelmente muitas pessoas que pensam que podem vencer o torneio e o ouvido do Rei.
Você: Entendo.
Você: (Isso quer dizer que todo mundo estará sério sobre vencer. Mas nós não seremos derrotados! Um de nós certamente irá ganhar, e então nós iremos falar com Rei Arthur.)
Você: Pega no entusiasmo e excitação dos outros lutadores, nós esperamos por Rei Arthur. Finalmente, uma figura solitária apareceu na plataforma cortinada erguida no lado do estádio. Uma grande alegria encheu o estádio enquanto todos os olhos tencionaram para vê-lo.
Arthur: Todo mundo, vocês têm meu agradecimento por sua participação no torneio de hoje.
Você: (Rei Arthur!)
Arthur: Eu estou ansioso por uma exibição de suas forças individuais, e por uma competição justa e honesta.
Você: (Como ele ousa falar de justa e honesta, depois de roubar o tesouro de Theodore! Eu não posso perdoá-lo! Eu irei recuperar Excalibur de você, sem falhar!)
Você: A fanfarra de abertura era o sinal para todos os lutadores no estádio começarem a tirar suas armas. Alguns venceram vitória após vitória, enquanto outros foram logo postos de joelhos em derrota. Nessa maneira, o torneio continuou. Ethan e eu vencemos nossas primeiras lutas.
Estel: Eu sou o próximo.
Você: Quem é seu oponente?
Estel: Aquele cara atrás de mim irradiando uma sede por sangue.
Você: (Eu estou um pouco assustada...)
Estel: Ehn, isso deve terminar logo.
Ray: O cão mais fraco late mais alto.
Estel: ...
Ray: ...
Você: (Eles ainda estão prontos para atacar! Quem poderia ter imaginado que uma pequena briga por uma refeição poderia levar a uma discussão tão duradoura...)
Presidente: Próximo – Ray o Mago e Estel o Elfo!
Você: Depois de serem chamados pelo mestre de cerimônias, os dois subiram ao palco.
Ethan: Ambos parecem bem sérios.
Você: Eu tenho um mau pressentimento sobre isso...
Ethan: Bem, eu acho que nada nunca é fácil.
Você: Ethan está tão certo...
Ray: Eu vou te queimar a cinzas com esse fogo!
Estel: Um redemoinho de fogo...!
Ray: É impossível para você escapar!
Estel: Nesse caso...
Você: Estel assobiou alto, e água brotou da terra.
Você: (Eu nunca ouvi que elfos podem manipular a natureza... Para ser capaz de controlar água bem o suficiente para apagar o fogo...)
Estel: Agora é minha vez.
Você: Estel puxou seu arco, e atirou flecha após flecha em Ray.
Ray: Fútil.
Você: Ray atirou uma bola de fogo e destruiu o arco e flechas. Naquele instante, Estel fechou a distância entre eles, e empurrou uma faca a Ray.
Estel: Isso deve... uff!
Ray: Você acha que vai ser assim tão fácil!?
Você: Ray puxou um cajado do nada, e usou-o para se proteger.
Você: (É incrível. Eles estão pareados. Essa luta pode nunca acabar.)
Você: Eu prendi minha respiração enquanto observei a luta atentamente. Não houve sinal que nenhum dos dois estava enfraquecendo. Eles continuaram a empatar ataque por ataque. Enquanto a luta feroz continuava, um silêncio caiu sobre a multidão enquanto o tempo tiquetaqueava.
Juiz: O tempo acabou! Eu declaro essa luta um empate.
Você: Mas os dois ignoraram a voz do juiz, e continuaram lutando.
Juiz: Ei! Ei agora! Parem de lutar!
Ray: Fique fora do meu caminho!
Estel: Essa luta ainda não terminou.
Juiz: Eu disse que vocês estão sem tempo!
Ray: Irrelevante!
Estel: Nós vamos resolver isso de uma vez por todas!
Juiz: Isso é o suficiente! Vocês estão desqualificados!
Você: Um número de guardas finalmente chegou, e forçaram os dois a se separarem.
Ethan: O que esses caras pensam que estão fazendo?
Você: Se eles apenas tivessem lutado normalmente, um deles já teria avançado...
Você: Nós olhamos um ao outro, e suspiramos ao mesmo tempo. Enquanto o torneio continuou, Ethan e eu continuamos a vencer. Finalmente, nós alcançamos as quartas de final.
Você: Eu pensei que poderia vir a isto...
Ethan: Eu não acho que aconteceria tão cedo.
Você: Essa será a segunda vez que nós lutamos um contra o outro. Mas desta vez, eu vou vencer!
Ethan: Eu não vou te deixar vencer desta vez, também.
Você: Bem como antes, Ethan tirou sua grande espada.
Ethan: Ha!
Você: A brisa de sua espada chegou a mim ao mesmo tempo que seu grito de batalha.
Você: (Eu pensei isso antes... Mas Ethan é lindo quando ele luta...)
Ethan: Você realmente tem tempo livre para olhar ao redor?
Você: Não!
Você: Eu empunhei minha rapieira rapidamente, mantendo um olho atento em cada movimento que Ethan fazia.
Você: Yaaaa!
Ethan: Oops! Você quase me pegou! Você melhorou muito em apenas alguns dias.
Você: Hehehe. Ethan, isso é o melhor que você tem? Eu apenas poderia ganhar esta...
Ethan: Eu posso ter abaixado minha guarda um pouco...
Você: Um som de tinido reverberava quando nossas espadas se encontravam. Quase parecia que nós estávamos dançando.
Você: (Que estranho... Eu me sinto muito empolgada.)
Ethan: Hoho – você é resistente! Mas tente esse por tamanho!
Você: A espada de Ethan varreu ao redor, mirada em meu meio.
Você: Boa tentativa, mas... oof!?
Você: Eu tinha planejado desviar. Mas de algum modo a espada estava agora indo para meus pés.
Você: Ow...!
Você: Eu caí do palco, e estava fora do torneio.
Ethan: Eu sinto muito, Lily, eu não queria te derrubar do palco.
Você: Foi minha culpa por não desviar rápido o suficiente. Eu não estou machucada, de qualquer jeito.
Ethan: Eu estou feliz de ouvir isso. Eu tenho uma pequena dificuldade em me segurar...
Você: Ethan exalou em alívio, e esticou uma mão para me levantar.
Ethan: Para ser honesto, eu achei que você sairia em sua primeira luta. Mas você chegou tão longe. Esse é um sinal de sua verdadeira habilidade. Eu tenho que admitir. Você é forte.
Você: Ethan...
Ethan: Eu realmente tive que me esforçar para conseguir essa vitória. Você tem trabalhado em suas habilidades, Lily.
Você: Ethan me afagou na cabeça. Então, repentinamente, ele estava acariciando meu cabelo gentilmente.
Você: (Ah...)
Você: A sensação trouxe calor para meu rosto.
Você: (O que está acontecendo comigo? Por que eu estou tão feliz quando ele me elogia?)
Ethan: Huh? Lily, seu rosto está todo vermelho. Qual é o problema?
-Invente uma desculpa
-Vire seu rosto
Aqui você pode decidir como responder. A resposta “Invente uma desculpa” dá pontos de romance com o Ethan.
Você: Es... está apenas um pouco quente.
Ethan: Talvez você só esteja cansada. Você deveria descansar por um tempo.
Você: S... sim, você está certo. Eu farei isso!
Você: (Eu estou constrangida demais para dizer a ele que seu elogio me deixou tão feliz.)
Ethan: ... Ok, tanto faz. Eu tenho que lutar novamente em breve, de qualquer jeito.
Você: Sim, claro.
Ethan: Eu vou vencer com certeza. Afinal, você estará me observando.
Você: Tome cuidado.
Você: Eu encarei as costas de Ethan enquanto ele andou na direção do palco.
Você: (Eu acredito que Ethan vai vencer.)
Ray: Você acha que Ethan vai ficar bem?
Você: Ele é forte. Ele vai ficar bem.
Estel: Você acredita nele, não é?
Você: Eu lutei contra ele, então eu sei o quão forte ele é. Eu acredito naquela força.
Você: (Então... Eu vou esperar aqui.)
Você: O anúncio das semifinais soou. No centro do palco, Ethan estava de pé com um sorriso destemido em seu rosto, segurando sua espada. No pequeno castelo que Rei Arthur usou enquanto assistia o torneio, uma festa generosa estava a todo vapor. A atração principal da festa era... Ethan.
Você: Parabéns por sua vitória, Ethan.
Ethan: Obrigado. Mas eu apenas usei minha força normal.
Você: Isso é bem como você. E graças a você, nós conseguiremos uma audiência com Rei Arthur.
Ethan: Isso é verdade.
Ray: Eu acabei de confirmar. Rei Arthur está na câmara interna.
Você: É verdade... Ele se retirou após o brinde.
Ray: Mas é quase hora para sua audiência com o vencedor.
Você: Vamos ver o que acontece, então...
Você: Eu quero recuperar a espada sagrada, Excalibur, o mais cedo possível. Reprimindo meu bom humor, eu encarei a porta para a câmara interna.
Homem: Senhor Ethan, Rei Arthur está chamando por você.
Ethan: Entendo...
Homem: Seus companheiros são para acompanhar você também.
Estel: O quê? Nós estamos indo, também?
Você: M... mas eu pensei que a audiência era apenas com o vencedor.
Homem: Rei Arthur insiste...
Ethan: Bem, isso deve acelerar as coisas. Lily, vamos.
Você: Sim.
Você: Finalmente, eu vou ver Rei Arthur. O mero pensamento me fez ficar tensa. E então os quatro de nós entraram na câmara interna.
Ethan: Huh? Não tem ninguém aqui...
Merlin: Parabéns por sua vitória.
Você: (Merlin!)
Merlin: Vocês realmente acharam que esses disfarces insignificantes iriam me enganar?
Você: Oh, não!
Merlin: Entretanto, vocês se moveram muito mais rápido que eu esperei que fizessem.
Você: Onde está Rei Arthur!?
Merlin: Sem chance que eu vou permitir que vocês o encontrem.
Ethan: Então, apenas devolva Excalibur para nós!
Merlin: Excalibur pertence ao país de Logres. Rei Arthur é o único homem digno de empunhar Excalibur.
Você: Não! A espada sagrada pertence a Theodore!
Merlin: Você acha que seu minúsculo país pode se opor a Rei Arthur? Os culpados sempre são os mais audaciosos!
Você: O quê...? Nós não roubamos Excalibur!
Merlin: Não há raciocínio com você. Não importa. Nós não daremos Excalibur a vocês.
Você: Por favor, devolva!
Você: Quando eu tomei um passo à frente, eu senti uma brisa girar ao meu redor.
Ethan: Lily...!
Você: Ethan estava em pé na minha frente, protegendo-me.
Ethan: Merlin! Eu direi isso mais uma vez! Devolva Excalibur! Eu sei que ela pertence ao país de Theodore!
Merlin: Não importa o que um mero espadachim diz. Eu não devolverei Excalibur. Se ele tiver aquela espada, Rei Arthur será... Mwa-hahahaha!
Você: O crescente redemoinho obscureceu minha visão. A última coisa que eu vi foi a figura de Merlin, desaparecendo no ar. Enquanto o vento morria, a última coisa que nós ouvimos foi a risada de Merlin.
Carta do Capítulo 3
DE: Ethan
PARA: Lily
ASSUNTO: Bem feito!
Nós dois lutamos duro no torneio de hoje! Sua esgrima definitivamente melhorou. Mas o melhor de tudo foi observar sua esgrima, que lembra dança. Era lindo de ver.
Esse é o fim do capítulo 3. Até a próxima! :)

Comentários

Mais Lidas ♥