[SWD] Magic Sword: Ethan (capítulo 4)

Oi oi, pessoal! Crys-chan voltou com mais Magic Sword. Espero que gostem! :)

Você: A fim de ganhar uma audiência com Rei Arthur, nós participamos em um torneio realizado no dia de Pentecostes. Nós todos encaramos muitos inimigos, mas Ethan teve a honra de ganhar a vitória real. Enquanto nós esperamos na câmara de audiência, nós fomos encontrados, não por Rei Arthur, mas por sua feiticeira, Merlin. Não apenas nós fomos incapazes de pedir ao Rei Arthur para devolver Excalibur, mas também Merlin desapareceu no ar enquanto estávamos conversando. “Rei Arthur é o único homem digno de empunhar Excalibur”. Essas palavras ficaram comigo. A noite que Merlin fugiu... Nós retornamos para nossa pousada, e discutimos o que tinha acontecido.
Ethan: Nós devemos ir atrás dela imediatamente.
Ray: Você é um tolo. Não há chance que nós podemos ir atrás dela a essa hora da noite.
Ethan: Mas...!
Ray: Além disso, ela é uma maga. Como nós podemos alcançá-la?
Você: O que você quis dizer?
Ray: Eu acho que tão logo ela nos reconheceu, Merlin provavelmente disse para Rei Arthur fugir.
Ethan: Mas Rei Arthur estava visível durante o torneio, e nós também o vimos na festa.
Ray: Aquilo foi provavelmente uma ilusão feita por Merlin. Eu acho que no momento em que Lily se revelou no torneio, Rei Arthur já tinha ido.
Você: Oh, não...
Você: Estel gentilmente acariciou meus ombros curvados.
Estel: Não está tudo terminado ainda.
Você: Estel...
Ethan: Não adianta ficar deprimido. Nós temos que olhar para frente!
Você: Ethan...
Ray: Bem, eu suponho que possa viajar com vocês por mais um pouco.
Você: Ray...
Você: Suas palavras me deram uma nova energia.
Você: Obrigada a todos. Bem... Eu suponho que amanhã nós devemos proceder como originalmente planejamos, e nos dirigir para Logres.
Ethan: Excalibur está provavelmente guardada na tesouraria deles lá.
Você: Você está provavelmente certo. E dessa vez, eu terei Excalibur devolvida para mim.
Você: Todos os três assentiram vivamente a minha decisão. Os quatro de nós pressionaram através da desolada zona rural.
Ray: Está quente...
Estel: Cale-se.
Ray: Está quente, então tudo o que eu fiz foi dizer que está quente.
Estel: Você disse a mesma coisa há 30 minutos.
Ray: ...
Estel: Mas... Realmente está quente.
Ray: Certo? Aquele sol só está brilhante demais.
Você: ...
Ray: Qual é o problema, Lily? Por que você está me encarando desse jeito? Risadinha, você está apaixonada por mim?
Você: Não, sem chance! Não é por isso que eu estava encarando... Eu apenas estava pensando que vocês dois pareciam estar se dando muito bem.
Ray: Não particularmente.
Estel: É, não particularmente.
Você: Sério? Ontem, vocês nem mesmo iriam conversar.
Você: Ray e Estel trocaram olhares, e ambos deram de ombros.
Ray: Eu ainda não gosto desse cara. Mas...
Estel: Eu reconheço suas habilidades.
Ray: Eu também.
Você: (Entendo... Se um resultado daquele torneio é que esses dois se deem melhor, então tudo valeu a pena.)
Você: Bem quando eu respirei um suspiro de alívio, o uivo de um animal selvagem alcançou meus ouvidos.
Awoooooooo!
Ethan: É um lobo devorador de homens!
Você: O que um desses está fazendo aqui!?
Ethan: Eles usualmente viajam em matilhas. Eu tenho certeza que há mais de um. Estel, Ray! Espalhem-se!
Você: Ao grito de Ethan, os dois se moveram para longe um do outro e de nós.
Ethan: Eu vou cobrir essa área.
Você: Espere, eu...
Ethan: É perigoso, se abaixe!
Você: Sem chance! Eu posso ajudar com esse tipo de inimigo...
Ethan: Se abaixe!
Você: Eu me encolhi a sua voz furiosa.
Ethan: Você é certamente forte, mas você prometeu não lutar!
Você: Ethan virou para longe de mim, e correu na direção do inimigo. E então... Os lobos devoradores de homens foram todos eliminados, sem nenhuma ajuda minha.
Você: (Ethan realmente não desperdiça nenhum movimento, e sua força é esmagadora. Ray e Estel também são brilhantes em ler a situação, e são lutadores muito habilidosos.)
Ethan: Lily, você está bem?
Você: Eu estou bem, mas...! Por que eu não fui permitida participar naquela luta?
Ethan: Você prometeu não lutar nas linhas de frente, não foi?
Você: Mas ontem no final, você entendeu minha força um pouco, não foi?
Ethan: Você certamente tem alguma força, mas não o suficiente para uma batalha de verdade.
Você: Mas!...
Ethan: Vamos parar de desperdiçar tempo nesse tipo de conversa, e continuar na estrada para Logres.
Você: Sem mais uma palavra, Ethan começou a andar.
Você: (Como eu vou saber se eu tenho força suficiente para uma batalha de verdade se eu não sou permitida tentar?)
Ethan: Lily, você deveria parar de fazer caras estranhas.
Você: Eu não estou fazendo caras estranhas.
Ethan: Sim, você está. Suas bochechas estão todas infladas. Haha, você parece um esquilo.
Você: ! Agora veja aqui...!
-Eu estou ficando zangada!
-Não zombe de mim! {+Ethan}
Você: Um esquilo! Pare de zombar de mim!
Ethan: Eu não estou zombando você. Na verdade, eu acho que é muito fofo.
Você: O quê!?
Você: (F... fofo? Não diga isso repentinamente desse jeito. É constrangedor...)
Ethan: Oh! Mas você não é tão fofa quando você fica com essa pequena ruga entre suas sobrancelhas.
Você: (Pare... Não comece outra briga aqui.)
Você: Suprimindo minha irritação com Ethan, eu comecei a andar.
Você: (Eu aprecio quando Ethan me protege. Mas eu realmente quero desempenhar um papel nisso tudo, afinal. Basicamente, Ethan não reconheceu minha força no torneio, não foi?)
Você: Esses sentimentos complicados me deixaram um pouco deprimida.
Ethan: Lily, não ande tão na frente.
Você: Por que não?
Ethan: É perigoso estar na liderança. Fique atrás de mim.
Você: ... Eu estou perfeitamente bem.
Ethan: Você disse alguma coisa?
Você: Não, não é nada.
Você: Incaracteristicamente, eu curvei minha cabeça e andei atrás de Ethan. Enquanto eu andei, eu olhei suas largas costas retas... Quando a noite começou a cair, nós finalmente alcançamos a borda da terra deserta. Nós tivemos um jantar atrasado numa taverna em uma vila pequena.
Ray: Você ouviu o que o barman disse?
Você: Você quer dizer sobre os recentes ataques aos aldeões? E como as pessoas que foram atacadas disseram que elas não podiam ver ninguém?
Ray: É uma história pesada.
Você: Ray franziu o cenho levemente e concentrou em sua bebida. Eu não estava me sentindo muito faminta, e eu realmente não quis nada para beber, então eu abaixei meu garfo.
Você: (Aquele lugar raramente atacado pelos lobos não era muito longe daqui. As pessoas que vivem aqui devem estar muito assustadas.)
Você: Enquanto eu estava pensando isso, Ethan, que estava sentado a minha frente, repentinamente parou de comer. Ao olhar interrogativo em seu rosto, eu o chamei sem pensar.
Você: Qual é o problema, Ethan?
Ethan: Alguém mais ouviu isso?
Você: Ethan puxou sua espada, a qual ele tinha colocado ao seu lado.
Você: Você realmente acha que um inimigo invisível está por perto?
Ethan: Talvez. Esta noite, nós devemos estar de guarda.
Ray: Ei, Estel. Você pode controlar animais, não é? Faça alguma coisa!
Estel: Se é um humano, não há nada que eu possa fazer.
Ray: E que uso você é, seu... seu elfo!
Estel: ... Bem, e sobre você, Ray? Você não tem algum tipo de feitiço de teletransporte?
Ray: Não há tal feitiço.
Estel: Você mesmo é bem inútil.
Ray: O que você disse!?
Você: Ray e Estel se enfrentaram com raiva.
Você: Vocês poderiam parar de brigar!
Estel: Bem, Ray começou.
Ray: Você não tinha que responder.
Estel: Bem, nem você.
Você: Eu estou dizendo a ambos para pararem de brigar!
Você: Mesmo que eu tentei pará-los, eles continuaram discutindo por assuntos triviais. Era o meio da noite, e o único som era de um pássaro clamando.
Você: (Suspiro...)
Você: Eu levantei da minha cama, e olhei para o céu noturno de uma janela pequena.
Você: (Eu estou cansada demais para dormir. E eu preciso recuperar minha força.)
Você: Mesmo assim, eu estava incapaz de voltar a dormir. Então, eu ouvi um barulho desconhecido.
Você: (Foi um animal? Não, eu acho que foi um grito.)
Você: Eu tive um mau pressentimento, e rapidamente deixei a pousada. Preparando-me, eu me movi lentamente na direção da qual eu tinha ouvido o grito. Segurando a rapieira pendurada ao meu lado, eu tomei um passo, e então outro.
Você: Ugh! O que é esse cheiro!?
Você: Quando eu espiei na escuridão com uma careta em meu rosto, eu pude ver algum tipo de luz.
Você: Impossível...
Você: Sob cobertura da escuridão, uma aranha gigante tinha de algum modo se aproximado, e estava agora agachada na minha frente.
Você: !
Você: Medo ultrapassou minha surpresa, e eu estava incapaz de me mover. Quando eu olhei mais perto, eu pude ver que a aranha gigante estava segurando um homem ferido em suas pinças frontais.
Você: (Está atacando um homem!? Que loucura é essa?)
Você: Deixe-o ir!
Você: Eu puxei minha rapieira, e encarei a aranha gigante rosnando.
Você: (Se eu lutar agora do jeito que eu lutei contra Ethan mais cedo, calmamente...)
Você: Mas meus pensamentos não podiam controlar meu corpo, e medo fez minha mão tremer.
Você: (Se eu não me apressar e ajudar aquele homem... Vai ficar tudo bem. Eu posso fazer isso!)
Você: Enquanto eu estava tentando me encorajar... A aranha gigante repentinamente pulou em minha direção.
Você: Uff...!
Você: (O tamanho da aranha me deixou descuidada. Como ela podia se mover tão rápido!?)
Você: Eu pulei para trás bem na hora, enquanto uma garra gigante cortou um pedaço do meu cabelo.
Você: (Eu não posso ler seus movimentos...)
Você: ... Ah!
Você: Mantendo meu chão, eu empurro minha rapieira direto para frente.
Aranha gigante: Gigigigigigi...
Você: (Está fazendo barulho! Talvez esteja zangada. Isso pode significar que meu ataque teve algum efeito...)
Você: Quando eu troquei minha posição em preparação para meu próximo ataque, a aranha gigante atirou uma linha de teia, enrolando minha rapieira.
Você: Oh...!
Você: Quando minhas mãos também ficaram enroladas na teia, eu fiquei incapaz de me mover.
Você: (Droga... O que eu devo fazer!?)
Aranha gigante: Gigigigigi...
Você: A aranha gigante rugiu, e lentamente se aproximou de mim.
Você: (Eu não consigo cortar esses fios! Se houvesse um galho ou algo assim por perto...)
Você: Eu olhei ao redor, mas não havia nada por perto que pudesse ser usado como arma. A aranha gigante tinha continuado a lentamente se aproximar, e repentinamente ela pulou em mim.
Você: (Não! Ela vai me matar!)
Você: Eu fechei meus olhos em medo. Naquele instante...
???: Lily!
Você: (Essa voz...)
Você: Em repentino alívio, eu abri meus olhos. Ethan tinha cortado a teia da aranha gigante, e estava de pé bem diante de meus olhos.
Você: Ethan! Como...
Ethan: Sua idiota!
Você: Erk!
Ethan: Por que você está fora tão tarde da noite sozinha!?
Você: Eu só...
Você: Antes que eu pudesse terminar de explicar, a aranha gigante tinha atacado Ethan com suas garras. Mas Ethan estava imperturbado por esse ataque, e encarou a aranha gigante com olhos frios.
Ethan: Deixe pra lá, apenas fique quieta por enquanto.
Você: Ethan parou as garras da besta com a lâmina de sua grande espada. Sem pausar, ele empurrou a lâmina para cima, mandando a aranha gigante voando para trás.
Ethan: Hah...!
Você: Ethan pulou para frente, e empurrou a ponta de sua espada na aranha gigante caída. A aranha gigante gritou alto, mas ainda conseguiu levantar instavelmente.
Ethan: E agora para o golpe final!
Você: Ethan se preparou, e achando uma fenda na correia da aranha gigante, a apunhalou na garganta. Ele balançou o sangue da aranha gigante de sua espada.
Você: Aqu... aquilo foi incrível...
Você: Eu estava atônita. Ethan andou de volta em minha direção, limpando sangue de seu rosto.
Você: Ethan...
Ethan: Lily!
Você: Com uma careta em seu rosto, Ethan repentinamente me abraçou.
Você: (Um... Er... Ethan, por que você está tremendo?)
Ethan: Eu estou tão feliz que você está segura...
Você: Sua voz suave perfurou meu coração.
Você: (Eu causei muitos problemas a Ethan...)
Ethan: Por quê? Por que você saiu sozinha!?
Você: Eu... Eu não pude dormir, e eu achei que tinha ouvido um barulho...
Ethan: Então por que você não me chamou!?
Você: Eu achei que você estava dormindo, então eu fui ver por mim mesma.
Ethan: Você não entende o quão perigoso isso é!? Nunca saia sozinha! E quantas vezes eu te disse Para. Não. Lutar.? Por que você não vai ouvir o que eu digo!?
-Eu posso lutar também!
{?]
-Eu sinto muito... {+Ethan}
Você: Eu sinto muito...
Ethan: Apenas dizendo que sente muito não é suficiente.
Você: Eu entendo isso, mas... Eu apenas queria dizer que eu sentia muito.
Ethan: Você realmente entende desta vez!?
Você: Ethan olhou para mim com olhos preocupados. Incapaz de resistir aquele olhar, eu assenti.
Ethan: ... Ok, então.
Você: Ethan suspirou profundamente.
Você: (Eu não achei que ele ficaria assim tão bravo.)
Ethan: Você entende os limites de sua força agora, certo?
Você: Sim.
Ethan: Se assim for, não tente um truque perigoso assim de novo.
Você: Eu entendo. Mas... Quando você me salvou...
Você: Sem esperar por eu dizer obrigada, Ethan virou e saiu andando.
Você: Oh!
Você: Incapaz de mesmo dizer a Ethan para parar, eu apenas fiquei lá.
Você: ... Ethan.
Você: (Eu sou terrível. Eu superestimei minha própria força, e deixei Ethan furioso. Mas nós somos apenas companheiros em uma jornada. Por que ele estaria tão bravo? Ele parecia tão frenético. Quase como se ele fosse chorar.)
Você: No dia seguinte, durante o café da manhã e depois que saímos, Ethan recusou a encontrar meu olhar. Eu não sabia como aliviar a tensão entre nós, então eu apenas andei com meu olhar abaixado.
Estel: O clima parece realmente tenso.
Ray: Tem sido assim desde de manhã.
Você: ...
Ray: Lily, alguma coisa aconteceu?
Você: Sim...
Você: Eu disse a Ray e Estel o que tinha acontecido noite passada.
Ray: Entendo, então é isso.
Estel: Lily, você está bem?
Você: Sim, eu estou bem. Ethan me salvou.
Estel: Isso é bom.
Você: Mas eu realmente deixei Ethan furioso...
Ray: Bem, isso não pode ser evitado.
Você: Huh?
Ray: Por causa daquele incidente, ele está realmente excessivamente ansioso sobre mulheres se machucando.
Você: Aquele incidente...?
Ray: Não é nada para você se preocupar.
Você: (Isso apenas me faz imaginar mais.)
Ray: Agora mesmo, Ethan só está se preocupando demais. Apenas espere um pouco e ele voltará ao seu antigo eu.
Você: Eu espero que você esteja certo, mas...
Estel: Eu entendo o que Ethan está sentindo agora mesmo.
Você: Sério?
Estel: Isso me deixaria muito triste também se você fosse ferida.
Você: Estel...
Ray: Eu não me importo de qualquer maneira, contanto que eu não seja incomodado.
Estel: Bem então, Ray, você deveria se tornar o escudo de Lily.
Ray: Não, obrigado. Eu sou mais o tipo de cara da retaguarda.
Estel: Você é uma péssima desculpa para um homem.
Ray: Você é o mesmo!
Você: Pronto, pronto, ambos se acalmem.
Ethan: Ei! Por que vocês não param de brincar e começam a andar?
Você: D... desculpe!
Ethan: Caramba...
Você: (Ethan é sempre tão alegre. Quando ele está irritável, afeta todo mundo ao redor dele.)
Você: Determinada, eu chamo a figura em recuo de Ethan.
Você: Ethan!
Ethan: O quê?
Você: Eu realmente sinto muito sobre ontem.
Ethan: Esqueça isso.
Você: É apenas que, como uma lutadora, eu queria proteger os aldeões.
Ethan: ...
Você: Mas eu entendo que era muito perigoso atacar sozinha sem primeiro conhecer que tipo de inimigo eu estava enfrentando. Então, a partir de agora...
Ethan: Por favor, não faça isso de novo.
Você: Huh?
Ethan: Não lute nunca mais. Eu vou sempre proteger você. Então, por favor, não lute.
Você: Eu não pude encontrar resposta para as palavras frias de Ethan.
Ethan: Eu nunca quero ver você daquele jeito novamente...
Você: De que jeito?
Ethan: Oh... Deixe pra lá. De qualquer jeito! A partir de agora, você não vai participar de nenhuma batalha. E para ter certeza, eu estou confiscando sua rapieira.
Você: O qu...
Você: Ethan puxou a rapieira do punho ao meu lado. Ele então a empurrou pelo seu próprio cinto.
Ethan: Você não vai mais precisar disso.
Você: Então dizendo, Ethan mais uma vez começou a andar adiante de nós.
Você: (Ele pensa que homens e mulheres são tão completamente diferentes, e ele me protege a um estranho nível. E Ray disse que algo aconteceu no passado de Ethan. Ethan, o que diabos aconteceu com você?)
Você: Eu realmente quero saber, mas nessa atmosfera, eu apenas não posso perguntar sobre isso.
Você: (Por enquanto, eu vou apenas fazer como Ethan diz.)
Você: Com a depressão de ontem ainda permanecendo em meu coração, eu segui depois de Ethan.
Carta do Capítulo 4
DE: Ethan
PARA: Lily
ASSUNTO: A Luta de Ontem
Eu me esqueci de perguntar ontem, mas você está bem? Mesmo feridas pequenas podem se desenvolver em maiores, então se você foi ferida, por favor, me diga. Eu tomarei conta disso para você.
Esse é o fim do capítulo 4. Até a próxima! :)

Comentários

Mais Lidas ♥