Ephemeral: Shiba (Episódio 7 Romance)

Oi oi, pessoal! Crys-chan voltou com mais Ephemeral. Espero que gostem! :)


Episódio 7 – Estudar Duro
O dia depois que fiz minha decisão para ajudar Shiba a se tornar um lobo “adequado”.
Bate, bate.
Cloé: Shiba. Desculpe te fazer esperar, eu os trouxe.
Depois de alguns segundos, a porta abriu cuidadosamente.
Shiba: Ninguém viu você vindo aqui... certo?
Cloé: Bem, eu acho que sim. Mas por que eu não posso ser vista?
Shiba: Isso... Isso é... Isso é porque é constrangedor! Certo? Entre rapidamente!
Cloé: Oh... Oh!
Então, eu entrei rapidamente como ele me disse para fazer. Shiba olhou ao redor como um daqueles detetives nas histórias, e fechou a porta quietamente.
Shiba: Ufa... parece que está bem.
Cloé: Você realmente não precisa estar tão nervoso.
Shiba: Esse é um caso que precisa ser mantido em segredo! Um treinamento secreto para se tornar um lobo forte e bonito... realmente soa... estúpido. Você... não falou com ninguém sobre isso, falou?
Cloé: Err... Eu não disse nada, mas acabei de dizer a Erica que viria ao seu quarto.
Shiba: O quê!?
Cloé: Ela não me perguntou demais. Ela apenas disse...
Shiba: Apenas disse...?
Erica: Oh, Cloé. Para onde você está indo com todos esses livros? Oh...? O quarto de Shiba? Hmm... Hmm... vocês parecem estar indo bem mesmo sem minha ajuda. Mas ainda está de dia... Mesmo se hoje for um feriado... vocês são... muito “produtivos”! Não se preocupe. Eu não perguntarei o que vocês estão fazendo. Haha, boa sorte para vocês.
Cloé: ...isso foi tudo o que ela disse.
Shiba: ...
Cloé: O que ela quis dizer com “produtivos”? Ela desapareceu antes que eu tentasse perguntar a ela...
Shiba: ...
Cloé: Shiba? Por que seu rosto está tão vermelho?
Shiba: N-Nada! Droga, Erica. Eu preciso arrumar as coisas com ela mais tarde... Não, espere, talvez seja melhor desse jeito?
Com suas bochechas avermelhadas, Shiba começou a murmurar sob sua respiração, e eu inclinei minha cabeça para o lado, confusa.
Shiba: B-bem, você os encontrou?
Cloé: Oh! Eu trouxe todos os tipos de livros de instrução da biblioteca. A biblioteca neste campus é tão grande e tem tantos livros que eu confio que deve haver pelo menos um que é útil para você. Vamos tentar um por um!
Shiba: O... OK! Então? Qual primeiro?
Cloé: Err... Bem, a partir desse, então.
Eu cuidadosamente escolho um livro daqueles que trouxe.
Cloé: Bem... Agora, Shiba. Apenas olhe para meus olhos.
Shiba: O quê?
Cloé: Não apenas diga “o quê?” para mim. É sobre “contato visual”. Esse livro diz que contato visual é muito importante.
Shiba: Contato visual...? B-bem, eles dizem que a primeira besta a mover seus olhos é o perdedor...
Cloé: Shiba, apenas olhe para meus olhos. E... Não vire seus olhos para longe de mim.
Shiba: C-certo. ...
Cloé: ...
Shiba: ...Y-yo, por quando tempo eu deveria ficar assim?
Cloé: Shiba... sente!
Shiba: O quê?
Cloé: Sente! Eu disse... sente!
Shiba: O que você quer dizer? ...você quer que eu me sente? Aqui... assim?
Cloé: OK! OK! Você faz um ótimo trabalho, Shiba! Bom, bom!
Shiba: O qu—...!
Eu baguncei o cabelo de Shiba enquanto ele sentou na minha frente. Shiba pareceu surpreso de início, mas rapidamente começou a gostar.
Shiba: Merda... O que é isso? Isso realmente me deixará mais forte...?
Cloé: Shiba, isso é gostoso?
Shiba: Err... B-bem, eu acho... um pouco... Caramba... Eu não posso deixar ninguém me ver fazendo isso...
Cloé: OK. Vamos continuar. Shiba, mão!
Shiba: O quê!?
Cloé: Sua mão, apenas me dê sua mão. Coloque sua mão direita em minha palma.
Shiba: Desse... Desse jeito?
Cloé: Sim, sim, bom. Bom trabalho, Shiba!
Como um elogio, eu apaixonadamente baguncei o cabelo de Shiba novamente.
Shiba: Gah... merda! Você é boa demais em afagar! Droga... Eu não estou nem mesmo me transformando num lobo, mas eu consigo sentir minha mente derretendo... Ha... Merda...
Shiba pareceu entrar num transe, e sua respiração ficou quente.
Cloé: (Shiba realmente parece estar confortável. De algum jeito, eu sinto que ele é mais fofo que lindo.)
-Parar de afagá-lo. {+20 Final Normal}
{?}
-Continuar afagando-o. {+20 Final Feliz}
Cloé: Shiba... Se isso te faz sentir confortável, que tal eu te afagar mais?
Shiba: Huh... Espere, não, isso me fará...
Cloé: Se você não gosta, eu pararei agora.
Shiba: Eu não odeio isso! É... É por isso que eu me sinto confuso... merda!
Enquanto Shiba luta consigo mesmo, eu começo a afagar sua cabeça novamente.
Shiba: Isso não é bom... realmente ruim... Ha... Eu poderia me acostumar com isso...
Cloé: ... (Ele é tão fofo.)
Shiba: C-certo,  qual o próximo?
Cloé: Hmm... o próximo é... Shiba, vire-se.
Shiba: ...? Desse jeito?
Cloé: Sim. Fique desse jeito. E... aqui.
Eu o abracei de trás, e apertei com meus braços.
Shiba: E-ei! O qu—Ei!... O que... O que você está fazendo...!?
Cloé: ...ao fazer isso, ele entenderá quem é o líder, e ficará confortável em ser manejado.
Shiba: ...O quê?
Cloé: Ficar parado é um método eficiente para definir o relacionamento entre um dono e um—
Shiba: Ficar parado...? Ei, espere um minuto. Me dê o livro que você está lendo.
Cloé: Oh...!
Shiba pegou o livro de meu aperto e olhou para a capa.
Shiba: “Para aqueles que querem ter um cachorro esperto e forte”... ...Cachorro?
Cloé: Sim, porque não havia livros manuais sobre lobos. Mas eu não acho que há muita diferença entre um cachorro e um lobo...
Shiba: ...Ei, Cloé.
Shiba se virou lentamente e não naturalmente, e me deu um sorriso aterrorizantemente mecânico.
Shiba: Você... tem um monte de coragem, não é?
Cloé: Huh?
Estrondo!
Cloé: Espere! Shiba! Por que você me expulsou!?
Shiba: Cale-se! Vá embora! Não venha aqui novamente!
Cloé: Por que você está tão zangado? Shiba! Ei! Shiba!
Apesar de eu ter batido à porta muitas vezes, eu não pude mais ouvir Shiba.
Cloé: Shiba... (Eu tinha boas intenções, mas isso o deixou zangado ao invés...) Suspiro... o que eu deveria fazer...
???: Você, mova-se. Saia do meu caminho.
Cloé: Huh?
Ray: Hmm...? Oh, é a garota zumbi de classe baixa. O que você está fazendo no meio do corredor?
Cloé: R...Ray...
Ray: Esse é o quarto de Shiba. Você tem negócios com ele?
Cloé: Err... (O que eu deveria fazer... Se eu o dissesse a verdade, eu apenas deixarei Shiba ainda mais zangado... Mas eu não tenho a confiança para dizer uma mentira para Ray...)
Ray: Você está me ouvindo? Estou lhe perguntando o que você está fazendo aqui.
Cloé: U-um, eu... Eu... Eu li um livro sobre treinar um cachorro com Shiba, mas...
Ray: ...o quê? Treinar um cachorro?
Cloé: Oh! Eu apenas o escolhi e o trouxe aqui para ler com ele. Shiba não me pediu! Mas... Eu não sei por que Shiba ficou tão zangado sobre lê-lo...
Eu não menti, mas mantive os detalhes de fora. Ray soltou um bufo irônico por minha resposta obscura.
Ray: Oh? Você parece tão inocente, mas parece realmente saber como humilhar alguém onde dói.
Cloé: ...humilhar alguém?
Ray: Shiba é um lobo. Eles podem pertencer à mesma espécie, mas um lobo é um lobo, não um cachorro. Todas as classes de bestas têm orgulho para com suas raças. Bem, não está limitado às classes de bestas. Mas, as classes de bestas são mais sensíveis sobre isso. E você ler um livro sobre treinamento de cachorro para ele... Se eu me lembro corretamente, Shiba é seu apoiador, mas isso é como você o repaga pela ajuda dele?
Cloé: Eu não quis fazer isso...
Ray: Eu acho que você é um monstro medíocre, afinal. Você pode parecer linda, mas sua personalidade é terrível.
Ray soltou uma risada desdenhosa, e prontamente saiu da cena. Eu estava tão chocada por suas palavras que não pude ir atrás dele para explicar.
Cloé: (O que eu posso fazer... Eu realmente não quis o humilhar... Shiba... ele realmente pensou que eu estava tirando sarro dele, para machucar seu orgulho? Eu realmente apenas... quero ser uma ajuda para Shiba...)
Eu não sei o que deveria fazer, e apenas fiquei de pé quietamente no corredor.
Esse é o fim do sétimo episódio. Até a próxima! :)

Comentários

Mais Lidas ♥